29.9.09


Foto de Maíra Bühler
Entender a vida na cidade de São Paulo requer ampliação do olhar. Requer ir além de Paris, Nova Iorque e Londres. Deixar de ter a cabeça na Europa ou Estados Unidos e a bunda no Brasil.
Entender a vida em São Paulo requer pensar na apropriação informal do espaço, muito mais do que na formalidade de universos urbanos nos quais a fronteira entre o que é público eo que é privado está claramente definida. Requer que pensemos na experiência de cidades como Lagos e México DF; na forma como as pessoas ali moram e circulam, como lidam com tecnologia e serviços, água, esgoto, lixo e trânsito. Talvez ainda tenhamos muito a aprender com semelhanças que gostamos de ignorar.

Do blog da Pletora, sobre antropologia e vida cotidiana.

E aqui, outro blog que fala de São Paulo e seus desafios urbanos: Raquel Rolnik.

2 comentários:

elisa disse...

oi xará,

adorei o seu blog. quem me mandou o link disse q eu ia me identificar, e me IDentifiquei mesmo.

tou adorando.

abraço,
elisapontes
http://www.flickr.com/photos/epontes/

Elisa R disse...

OI Elisa, e eu adorei suas fotos! Pelo visto você vive a cidade intensamente! Muito legal. Obrigada pela visita, volte sempre!